O NOME DOS DIAS

Por que está “feira” junto aos dias da semana?

Todos os dias da semana acabam em feira, menos sábado e domingo.

Na sua origem, os nomes dias da semana tinham influência na astrologia; cada um representava um astro do nosso Sistema Solar: Sol (domingo), Lua (segunda), Marte (terça), Mercúrio (quarta), Júpiter (quinta), Vénus (sexta) e Saturno (sábado).

Segundo o Guia dos curiosos, nos países latinos, por influência do cristianismo, o dia do Sol, Solis dies, foi substituído por dominica, dia do Senhor; e o Saturni dies, dia de Saturno, por Sabbatum, derivado de hebraico Shabbath, dia de descanso consagrado pelo antigo Testamento.

Não satisfeita com a origem pagã dos nomes dos dias, a igreja católica dos países de língua portuguesa transformou a homenagem aos astros em números, isto graças ao apostolado de São Martinho de Braga, que afirmava que não se podia “dar nomes de demónios aos dias que Deus criou”

Já o termo “feira” surgiu em português porque, na semana de Páscoa, todos os dias eram feriados, as férias, e o mercado funcionava ao ar livre, as feiras.

Preservando o domingo, dia do Senhor, como primeiro dia da semana, a igreja instituiu a “secunda feria”, a segunda-feira e assim sucessivamente.

 Estava criada a semana portuguesa.        

                                                Lurdes Martins

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.