TEXTOS DOS ALUNOS

NOTA: Com este texto, começamos a apresentar os produtos da nossa Oficina. Nada de especial, é verdade, mas para os alunos são pérolas que estamos a descobrir dentro de nós próprios. Somos capazes de dizer e escrever coisas sobre a nossa história e a nossa experiência.

A minha infância

Eu nasci no seio de uma família pobre, andava descalça e não tinha brinquedos.
Na minha infância, a escola tinha início no dia 7 de Outubro. No primeiro dia, levávamos o livro de leitura, a lousa, um caderno, 50 gramas de lã e um par de agulhas de tricô.Fiz a primária em S. João da Boavista, onde havia duas escolas, uma feminina, outra masculina. Ambas tinham habitação para os docentes.

S. João da Boavista era nessa altura uma aldeia muito à frente. As ruas já tinham iluminação eléctrica. A Câmara disponibilizava uma sala para que todos os alunos fossem vacinados.

E tínhamos algo muito importante, que era a visita duma biblioteca itinerante da Gulbenkian.

Mesmo com algumas dificuldades, eu fui feliz na minha infância.  


Manuela Marques – 1/12/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.